Blogs Portugal

sábado, 13 de maio de 2017

O deita gatos

O que fazia o deita gatos? Consertava louça quebrada por meio de gatos de arame.


Gatear tudo que fosse loiça partida em cacos, era tarefa do “deita-gatos”, um servidor ambulante (...)
Nesse prolongar de vida de muitas peças de barro e de faiança (...) tinha papel importante o deita-gatos (...) 
O nosso homem começava por unir os cacos e, por cada “gato” (um pedaço de arame terminado por duas pequenas garras) a colocar, marcar os dois pontos onde fazer um furo com a ajuda de um broquim primitivo (...) Juntos e colados todos os cacos era a vez de, com a arte que a experiência sempre dá, introduzir as garras dos “gatos” e fixá-los de modo a ficarem bem apertados". Estas palavras pertencem ao Dr.António Galopim de Carvalho, que as publicou no facebook, juntamente com algumas imagens.

 Esta atividade ficou registada neste postal de um deita gatos de Lisboa (postal circulado em 1904, o nº4, da série "Typos das ruas" de Edição A.Martins).



Sem comentários: